Category: Curiosidades

03
ago

Inbound Marketing e sua importância na publicidade

shutterstock_426009250

Conceito muito utilizado na publicidade atual, o Inbound Marketing é mais do que um termo moderno que impressiona clientes em reuniões. Ele é a mudança na curva do conteúdo produzido para atingir o seu público-alvo.

Também conhecido como novo marketing, o Inbound tem como estratégia produzir conteúdo específico para atrair as pessoas pelos seus interesses. Ou seja: trazemos algo relevante de acordo com que o nosso público procura.

Para isso, é preciso pensar em múltiplas ações integradas: conteúdo de qualidade, plataforma (blog, e-mail mkt, landing pages, redes), estratégia de SEO e segmentação. São alguns fatores que serão determinantes para você atrair clientes, encantá-los e fazer com que eles tornem-se seguidores e propagadores da sua marca.

O que tudo isso significa na prática? Fazer com que o investimento seja muito mais bem aproveitado. Em vez de gastar mundos e fundos com comunicação que chega a muitos e impacta poucos, o Inbound Marketing faz com que a grana seja direcionada para quem está procurando o que você oferece. É verba totalmente convertida em resultados.

 

Por Adhemar Juan Netto | Jornalista e Redator da Fam.

27
jul

Facebook e suas mudanças surpresa

shutterstock_216500140

Para as marcas e agências que fazem das redes sociais sua maior fonte de conteúdo e contato com o público, os dias em que o orgânico só dependia de um bom storytelling estão cada vez mais distantes. No final de junho, o Facebook mudou novamente um de seus algoritmos, o responsável por priorizar o que será visto pelos usuários em seus feeds. São levados em conta detalhes como o autor da publicação, a forma (texto, imagem ou vídeo), o horário, a quantidade dos comentários recebidos e seus autores, além da data.

Agora os posts de amigos e familiares serão sempre atualizados, seguidos por informações e entretenimento. Ocupando o quinto e último lugar deste pódio virão as marcas e suas páginas. É isso mesmo! Estamos em último lugar. Isso significa que a rede deixou de ser “social” para quem não faz parte do círculo social das pessoas. As marcas têm seus propósitos e para serem vistas terão que investir. Simples assim.

Segundo o Facebook, a listagem de posts populares assim como o ranqueamento é feita com base no que o usuário costuma querer ver e curtir. Por isso, prestemos atenção: o conteúdo precisa ser mais relevante do que nunca e combinado a uma boa estratégia e segmentação de mídia.

Além do algoritmo, na metade de julho, quem administra páginas na rede pôde perceber grandes alterações de layout. Agora as Fanpages tem cover e avatar separados. Tudo o que podia ser encontrado à esquerda da página migrou para a direita. Outra grande mudança é que as ABAs viraram um menu vertical, logo abaixo do avatar da marca. A primeira vista uma mudança drástica que traz até uma sensação estranha, como se de repente você tivesse esquecido como se mexe na plataforma. Mas, faz total sentido e vai de encontro a mudança do algoritmo de relevância: as páginas ficam com uma roupagem bem diferente dos perfis, deixando tudo muito claro para o usuário.

 

Por Camila Bevilacqua | Jornalista, Digital Planner e especialista em redes sociais da Fam.